Náutico define perfil do novo técnico;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO

Experiente, conhecedor da Série C e motivador: Náutico define perfil do novo técnico

Segundo vice-presidente Diógenes Braga, fase atual para a escolha do substituto de Roberto Fernandes é de ‘levantamento de perfil’ ;

Pouco mais de 24 horas após demitir o técnico Roberto Fernandes, a diretoria do Náutico ainda parece estar distante de um acerto com um substituto. Nas palavras do próprio vice-presidente de futebol, Diógenes Braga, o clube está na fase de “levantamento” de alguns nomes que atendam alguns dos pré-requisitos estabelecidos pela diretoria para o novo treinador. No caso, o de ser um treinador já experiente, conhecedor da Série C e que tenha perfil motivador, já que o Timbu é o lanterna do Grupo A, com apenas um ponto em quatro jogos.

Até o momento, o único treinador procurado de forma oficial foi Gilmar Dal Pozzo, que trabalhou no clube entre 2015 e 2016 e conta no currículo com um acesso à Série B com a Chapecoense em 2012. Porém, alegando outros projetos pessoais, o treinador rejeitou o convite alvirrubro.
Ainda dentro das característiscas procuradas pela cúpula timbu, outros nomes foram descartados. Entre eles o de Daniel Paulista, que apesar de ser visto como um técnico promissor, deixa a desejar nos itens referentes à experiência profissional e da própria Série C.
“Surgiram algumas coisas, mas não dentro do que estamos querendo. Tem alguns nomes conversados, mas estamos muito em uma fase de levantamento. E sinceramente, eu sei que é angustiante para a torcida mas esse é um momento em que a gente não pode apressar e errar na escolha”, destacou Diógenes.
“Não estamos em estaca zero. Alguns nomes foram colocados, alguns até interessantes, outros nem tanto. Mas estamos evoluindo, checando as informações, mas não estou com pressa. Estamos procurando um técnico com alguma bagagem é de preferência que conheça a Série C. Esse é um ponto extremamente importante. Pode não ser o ponto determinante, mas com certeza a experiencia na competição pesa muito”, completou o dirigente.
Ainda segundo Diógenes, enquanto está no mercado em busca de um novo comandante, a diretoria tem total confiança no interino Dudu Capixaba. Sendo assim, não está descartada a possibilidade do então técnico do sub-20 colocar o time em campo no próximo sábado, diante do Salgueiro, pela 5ª rodada da Série C.
“Dudu está desde o começo do trabalho com esse elenco. Para trazer uma aventureiro é melhor deixar ele ir trabalhando até chegar em um nome concreto porque ele conhece o elenco e os jogadores gostam dele. Se o treinador não chegou até o jogo do Salgueiro, ou foi contratado na véspera, Dudu vai colocar o time em campo”, finalizou. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *