Após acordo, Mauro Fernandes deixa o Central;

ADAURY VELOSO ;

CENTRAL

Após acordo, Mauro Fernandes deixa o Central, mas pode retornar no ano do centenário

Presidente do Deliberativo alvinegro explicou o processo e vislumbra a temporada 2019, ano em que a Patativa completa 100 anos de existência ;

Eliminado com uma rodada de antecedência do Campeonato Brasileiro da Série D, o Central rescindiu o contrato após chegar um acordo com o técnico Mauro Fernandes, responsável por comandar o time até o inédito vice-campeonato estadual nesta temporada. Sem competições oficiais a disputar até o início do Pernambucano 2019, a Patativa terá oficialmente cinco meses de inatividade no futebol profissional.

Em entrevista ao  NOSSO BLOG  o presidente do Conselho Deliberativo, Márcio Porto, justificou a decisão e negou que tenha havido demissão sumária do cargo técnico. “Não é que ele tenha sido demitido. Encerraremos domingo a nossa participação na Série D e, como vamos passar cinco meses parados, não temos condições de manter o time e a comissão durante esse tempo. Não foi demissão em função de resultados e sim em função das atividades. Ficamos apenas com o sub-20 a partir de junho e um técnico nosso da casa é quem vai comandar.”
Márcio ainda valorizou a campanha realizada no Pernambucano e lamentou o insucesso na competição nacional. “A gente fez um trabalho para 2018 com diretoria e comissão que deu resultado. O Central é o campeão moral do Pernambucano. Foi um trabalho que deu certo. Continuamos na Série D, mantendo a comissão e toda a sua equipe, com reforços que eram necessários e a diretoria fez tudo que foi possível. Infelizmente não deu certo”, disse.
O mandatário do Deliberativo ainda foi crítico ao questionar o nível de competitividade do Estadual. “A gente ainda vai fazer um estudo para saber o que aconteceu, se foi um problema interno ou se o Pernambucano é que está desacreditado. O campeão é lanterna na Série C e o vice foi eliminado na D, então vamos estudar para ver se o Estadual é que não presta.”

Projetando 2019

Para o ano do centenário do clube, o projeto de construção do novo elenco é planejado para ter início oficialmente em novembro. No entanto, as atividades de negociação devem começar em setembro, inclusive com a possibilidade da volta de Mauro Fernandes ao cargo de treinador.
“A gente deve começar oficialmente as contratações em novembro, mas já em setembro ou outubro começam os estudos de jogadores e negociações com os clubes. Existe uma grande probabilidade do Mauro retornar, inclusive. Temos a vontade que ele continue conosco e ele também sente a vontade de continuar o trabalho”, apontou Márcio Porto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *