Após ano de críticas, Vitor ganha força no Santa Cruz e se consolida na lateral

Adaury veloso;

A trajetória de Vitor no Santa Cruz parecia encerrada com o rebaixamento do clube à Série B. Mas, assim como algumas peças do antigo elenco, o jogador teve uma leve melhora de rendimento no fim do ano passado e, assim, garantiu uma renovação de contrato no Arruda. Nova chance que parece ter dado certo. O lateral direito virou capitão e tem, na média, apresentações regulares.

“Eu nunca tinha trabalhado com ele. Me surpreendi com Vitor positivamente. É um excelente profissional e pessoa. Um cara de 34 anos que tem vigor físico fantástico. O atacante não se cria do lado dele e ainda sobe ao ataque, criando jogadas pelo lado. É um jogador que fala pouco, mas tem uma liderança importante dentro do grupo”, avaliou Vinícius Eutrópio.

Vitor, por sinal, já tem uma trajetória significativa no Santa Cruz. O atleta chegou ao Arruda após sair do Sport em 2015. Acumula 56 partidas no time e soma, além de um título pernambucano, uma taça da Copa do Nordeste. Nesta temporada, o jogador esteve presente nos sete confrontos do Tricolor sem ser substituído.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *