Após problemas na organização, Náutico e Central se enfrentam em Caruaru

Adaury veloso;  Da última segunda-feira até esta quarta, o duelo entre Central e Náutico sofreu várias mudanças. O jogo, que seria na Ilha do Retiro por falta de efetivo para garantir a segurança em Caruaru e por conta da má condição do gramado do estádio Luiz Lacerda, voltou para o Agreste após muitas reclamações da Patativa. Criou, então, outro problema já que a Polícia Militar (PM) de Caruaru decidiu que a partida seria com torcida única. A solução foi dada nessa terça à noite quando Juizado do Torcedor em reunião com a PM garantiu que a partida teria duas torcidas. O Náutico ainda tenta adiar a partida e aguarda uma decisão do Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco.

O problema é que a remarcação da partida desta quarta-feira levaria a um efeito dominó. Forçaria a mudança do Clássico das Emoções pela Copa do Nordeste e um consequente choque com a grade da TV transmissora da competição. Problemas que o técnico Dado Cavalcanti deixou de lado.

Dentro das quatro linhas o técnico preferiu não pensar no que poderia ocorrer em relação ao gramado. O foco estava na partida e o time teria que lidar com tantas mudanças. Desde o local da partida, viagem inesperada e gramado ruim. “Modificação repentina muda um pouco o planejamento. Tivemos que nos adequar um pouco. Só vim saber da notícia às 23h. Por esse motivo tivemos que adequar a programação. Em condições normais, apesar de Caruaru ser uma viagem curta, a gente viaja na véspera. Iremos viajar no dia do jogo”.

Com Maylson no lugar de Dudu – única mudança na equipe – o técnico mais uma vez afirmou que não haverá alteração no modo da equipe atuar. O que mudará são apenas as características das peças. “Hoje estou trocando o Dudu pelo Maylson por conta da suspensão. O Dudu é um jogador que chega até o último terço do campo e o Maylson vem mais de trás. Dudu joga mais de costas e o Maylson pega mais de frente”, pontuou.

Ficha do jogo

Central

Murilo; Sanny, Marlon, Tomaz e Altemar; Paulinho, Vagner Rosa, David Manteiga e Ailton; Anderson Lessa e Gildo. Técnico: Laelson Lima.

Náutico

Tiago Cardoso; Joazi, Tiago Alves, Ewerton Páscoa e Manoel. João Ananias, Rodrigo Souza e Maylson; Jefferson Nem, Giva e Alison. Técnico: Dado Cavalcanti.

Horário: 20h30. Estádio: Antônio Inácio, em Caruaru. Árbitro: José Woshington da Silva. Assistentes: Ricardo Bezerra Chianca e Bruno César Vieira. Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *