Aprovado projeto que cobra transparência na FPF;

ADAURY VELOSO ;

Aprovado projeto que cobra transparência na FPF

A instituição poderá ter que se adequar às leis de Acesso à Informação e da Ficha Lima, além de prestar contas anualmente ao TCE-PE ;   essa terça-feira (17), o Plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco aprovou o Projeto de Lei nº 1303/2017 que aumenta o controle social sobre entidades gestoras de competições profissionais no Estado, no caso, a Federação Pernambucana de Futebol (FPF). O idealizador da medida foi o deputado estadual Rodrigo Novaes.  Acatado de forma unânime, o texto prevê que as instituições terão que se adequar às leis de Acesso à Informação e da Ficha Limpa. As organizações que recebem recursos públicos estaduais ainda terão que manter um portal da transparência na internet e prestar contas anualmente ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) e à Secretaria da Fazenda (Sefaz).  Em seu discurso, o deputado Rodrigo Novaes destacou os casos de corrupção envolvendo a Federação Internacional de Futebol (Fifa) e dirigentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Ele ainda ressaltou a importância de ampliar a fiscalização sobre as entidades locais que organizam as competições profissionais. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *