Com dúvidas, Claudinei aguarda Corinthians ;

ADAURY VELOSO ;

SPORT

Com dúvidas, Claudinei aguarda Corinthians e usa tempo disponível para definir escalação

Classificado de forma antecipada na Libertadores, rival rubro-negro do próximo domingo pode mandar força máxima a campo na Arena ;

O técnico Claudinei Oliveira pretende utilizar todo o tempo que tiver à disposição para definir o time que enfrentará o Corinthians no domingo, na Arena de Pernambuco. Após comandar um trabalho exaustivo na tarde da última quinta-feira, o treinador ainda terá mais dois momento para escolher os onze atletas que entrarão em campo. Dúvidas não faltam. Possibilidades também. Com Rafael Marques e Michel Bastos devidamente regularizados e à disposição do treinador, além da liberação de Raul Prata após dois jogos ausente por conta de uma conjuntivite, o leque de Claudinei Oliveira se entende da a defesa até o ataque.

Outro fator fundamental para a escolha do treinador, é a análise sobre a provável escalação do Corinthians. Após a goleada desta quinta sobre o Deportivo Lara, na Libertadores, o time paulista garantiu presença na fase de mata-mata de forma antecipada e aliviou a pressão pela classificação. Consequentemente, o resultado também abriu espaço para que o técnico Fábio Carille utilize força máxima contra o Rubro-negro, a depender da recuperação dos atletas da viagem. Para minimizar o desgaste, a diretoria alvinegra fretou um avião no valor de R$ 1,3 milhão, embarcando com destino a Recife às 11h desta sexta. Na ida para a Venezuela, partindo de São Paulo, o vôo durou cerca de dez horas, com parada para reabastecimento.
Por todos esses motivos, o técnico Claudinei Oliveira justificou a opção pelos testes no time. “Temos até o sábado para definir a equipe. Vamos continuar estudando o Corinthians para sabermos, até o dia do jogo, qual a melhor formação para iniciarmos.” E espera testar a formação com os onze em treino coletivo nesta sexta, na Arena de Pernambuco. “Vamos trabalhar para começar a esboçar o time que jogará domingo.”
O comandante leonino, ressaltou ainda a importância de ambientar os seus atletas ao gramado do palco da partida, onde o Sport mandará o seu primeiro jogo de uma sequência já acordada para a Série A. “O treino na Arena será importante, também, para os jogadores se adaptarem ao gramado da própria Arena. Alguns jogadores nunca jogaram lá.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *