Contrato renovado; Ricardo Ernesto mira sequência em boa fase;

ADAURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Com contrato renovado, Ricardo Ernesto mira sequência em boa fase e títulos pelo Santa Cruz

Goleiro assumiu titularidade na reta final da temporada e agradou a torcida;

Ricardo Ernesto terminou 2018 muito próximo de ser uma unanimidade entre os torcedores do Santa Cruz. Muito em razão da ineficiência do antecessor, Tiago Machowski, que vivia mau momento no clube. O fato é que, após passar boa parte da temporada como reserva, o goleiro de 31 anos assumiu a titularidade em um momento crucial do Tricolor na Série C. Se não conseguiu dar ao clube o principal objetivo, que era o acesso, conseguiu fazer bem sua parte. Ao ponto de ser um dos primeiros jogadores a ter o contrato renovado.

Passando férias em Santa Catarina, seu estado natal, Ricardo Ernesto atendeu à reportagem do Superesportes por telefone para fazer um balanço do ano que passou e projetar o que irá chegar. Confiante, falou em dar continuidade ao bom final de ano e em conquistar títulos pelo Santa Cruz fazendo um novo ano melhor que o que ficou para trás.
“Foi um ano difícil para a gente. Em 2018, o clube passou por uma remontagem de elenco, teve bastante dificuldade financeira e acabamos que não tivemos êxitos em nenhuma competição. Foi um ano complicado”, disse. “Mas falando individualmente, foi um ano bom para mim, pude acabar o ano como titular de uma equipe como Santa Cruz e fazendo bons jogos”, acrescentou.
Antes de assumir a titularidade, porém, Ricardo Ernesto precisou ralar. Chegou a ficar 11 rodadas sem ser acionado. Mesmo assim, não perdeu a esperança de ganhar uma oportunidade do técnico Roberto Fernandes. Pensando nisso, aceitou o desafio de ir jogar o Brasileiro Sub-23 quando convidado pelo próprio presidente do clube, Constantino Júnior.
“Trabalhei o ano todo. Mesmo no banco nunca deixei de trabalhar forte, sempre respeitando os colegas. E quando apareceu a oportunidade consegui dar o melhor e, de alguma maneira, ajudar a equipe. Fiquei feliz pela renovação de contrato e espero dar sequência ao que fiz no final da Série C e já no primeiro semestre conquistar um título, algum objetivo do clube, que é marcante para a carreira do atleta e importante para a torcida”, afirmou.
Ao todo, Ricardo Ernesto fez 12 partidas pelo Santa Cruz. Chegou a ficar quatro jogos seguidos sem sofrer gols após assumir a titularidade no momento decisivo da Série C. Acabou não evitando o revés para o Operário-PR, que acabou eliminando o Tricolor do Brasileiro. Agora, o goleiro mira um 2019 diferente.

“O Santa Cruz é uma equipe grande. Em Pernambuco está entre as melhores e já começamos o ano pensando em título. Quando se fala em Estadual tem que entrar com esse pensamento de título. Na Copa do Brasil o pensamento é de avançar algumas fases e na Copa do Nordeste buscar avançar até as finais. Vamos chegar na Série C mais fortes”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *