COTADO ; Tite vê Diego Souza como opção para vaga de Gabriel Jesus;

Adaury veloso;

O meia Diego Souza pode começar a criar esperanças sobre voltar a ser convocado para a seleção brasileira. Após o jogo Paris Saint Germain 4×0 Barcelona, pela Liga dos Campeões da Europa, a equipe do Esporte Interativo entrevistou Tite, que esteve no estádio Parc des Princes, em Paris-FRA, nesta terça-feira (14). E o treinador da amarelinha lembrou do camisa 87 como opção para o ataque, ao lado de Roberto Firmino, do Liverpool-ING.

Tal questionamento surgiu por causa da lesão do atacante do Manchester City, Gabriel Jesus, que vinha sendo o camisa 9 da seleção sob o comando de Tite e, até o momento, atuando de maneira inquestionável. Porém, na segunda-feira (13), Gabriel sofreu uma lesão e deve passar de dois a três meses em recuperação, o que abre o espaço para Roberto Firmino e Diego Souza.

“O Firmino ataca menos espaço. Ele recebe menos bola de profundiade, mas muito de jogada de combinação. Faz a jogada e acompanha o raciocínio dos homens que vêm de trás. Ele tem essa virtude, com presença de área. Por vezes, trabalha do lado”, destacou Tite. Para justificar Diego como opção, o treinador lembrou que já utilizou o meia do Sport na função durante o amistoso contra a Colômbia. Na ocasião, o gol do Brasil surgiu em jogada com a participação do atleta rubro-negro.

“Nós trabalhamos com ele nessa função porque entendo que é um jogador com as características físicas. Pode fazer, como o fez contra a Colômbia. No lance do gol, ele faz o pivô, faz o giro e conclui dentro da área. Essa caracterísitica, a gente está buscando para compor o grupo”, afirmou.

Porém, Tite preferiu não confirmar que vai convocar os dois. Pelo jeito, o comandante da amarelinha está avaliando outras opções. “É um leque aberto, não tem nada fechado”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *