Diário Oficial da União a renovação do contrato do Náutico com a Caixa

ADAURY VELOSO;

O Náutico passou a estampar a marca da Caixa Econômica Federal na área nobre de seu uniforme em setembro de 2016. Na ocasião, o alvirrubro tornou-se o 17º clube patrocinado pela instituição bancária. Contudo, o contrato foi curto, de apenas quatro meses, com aproximadamente R$ 300 mil mensais. Agora, um novo acordo com a Caixa. Duradouro. O extrato saiu no Diário Oficial da União (abaixo), com aporte de até R$ 3,7 milhões em 2017. Porém, o valor considera possíveis bonificações, como R$ 500 mil pela Série B e Copa do Brasil e R$ 300 mil pelo Nordestão, no novo modelo adotado pelo banco. Logo, 2,4 mi líquidos.

A Caixa deve seguir como a maior patrocinadora do futebol brasileiro. Em 2016 o banco patrocinou 21 clubes, com períodos de 2 a 12 meses. Nesta temporada, ainda que as equipes mantenham a marca “master”, o anúncio oficial vem a conta-gotas. Com as certidões negativas regularizadas (exigência da Caixa), o Náutico é apenas o 9º confirmado, o terceiro nordestino. Também na segundona, o Ceará receberá no máximo R$ 3,4 mi, uma vez que ficou de fora da Lampions.

Contratos já publicados no Diário Oficial: Flamengo (até R$ 30 mi, somando bonificação por títulos), Atlético-MG (até 16 mi), Cruzeiro (até 12,5 mi), Náutico (até 3,7 mi), Ceará (até 3,4 mi), Figueirense (até 3,4 mi), Paysandu (até 3,2 mi), América-MG (até 3,0 mi) e CRB (até 1,5 mi)

Próximos nordestinos na lista: Sport e Vitória

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *