Diretoria do Náutico inicia conversa com alguns jogadores;

ADAURY VELOSO ;

Entre os atletas que interessam estão volante Amaral e zagueiro Breno Calixto ;

O objetivo da diretoria do Náutico ainda é a de tentar evitar o rebaixamento para a Série C. Segundo a Universidade Federal de Minas Gerais, no momento, o risco de queda do clube é de 93,3%. Porém, isso não significa que o planejamento para a próxima temporada não tenha sido iniciado. Mesmo que de forma ainda tímida, alguns jogadores do atual elenco já foram chamados para conversas preliminares sobre renovações de contratos. Entre eles, o zagueiro Breno Calixto e o volante Amaral.

Outros atletas com presenças constante na equipe, como o lateral-esquerdo Ávila, os zagueiros Feliphe Gabriel e Aislan, o meia Giovanni e Diego Miranda, e os atacantes Gilmar, Dico e William também possuem seus vínculos com o Timbu se encerrando com o término da Série B.
Em entrevista coletiva, Amaral confirmou que foi procurado pela diretoria para iniciar as conversas sobre renovação de contrato e se mostrou interessado em permanecer no clube, mesmo com um eventual rebaixamento à Série C.
“Fico feliz se o Náutico quiser renovar o meu contrato. Até porque trata-se de um clube grande, de tradição e de uma história bonita. Mas comentei com o Ítalo (Rodrigues, gerente de futebol) que essa questão poder ficar um pouco mais para frente porque já estamos em um desgaste grande psicologicamente para tirar o Náutico dessa situação. Mas, se houver o convite para renovar e der certo, vou ficar feliz e grato. Tenho interesse em permanecer”, adiantou o volante, presente em 25 das 28 partidas do time nesta Série B.

Diretoria admite contato para renovações

Procurado pelo Superesportes, o atual vice de futebol e futuro vice executivo do clube, Diógenes Braga, confirmou que alguns atletas estão na pauta de renovações para 2018. Mas fez questão de enfatizar que o foco principal ainda é na luta contra o rebaixamento.
“A diretoria tem conversado com alguns jogadores, mas o momento é de focar e trabalhar pela permanência na Série B”, limitou-se.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *