Eduardo Britto ganha elogios de técnico do Santa Cruz;

ADAURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Eduardo Britto ganha elogios de técnico do Santa Cruz, mas admite falta de ritmo de jogo

Lateral esquerdo foi titular diante do Remo após ter ficado logo período fora ;

A principal incógnita do time do Santa Cruz no processo de adaptação ao comando técnico de PC Gusmão pode-se dizer que é a lateral esquerda. Tanto que as dificuldades defensivas do setor fizeram o treinador alterar o esquema de jogo na última partida, contra o Remo. Enquanto não conta com a melhor forma física de Allan Vieira, que já treina para ser integrado ao elenco, a solução momentânea veio com o prata da casa Eduardo Britto.

“Estava claro pelos dois jogos contra o ABC, onde se originaram as jogadas de gol. A gente sabia que a extrema direita do Remo era muito forte e nós temos que saber anular com as peças que a gente tem”, justificou o técnico.
Acionado durante o segundo tempo na estreia de PC Gusmão contra os potiguares e titular no último sábado diante dos paraenses, o jovem de 21 anos ganhou elogios do técnico. “O Eduardo vem evoluindo. Ele vem fazendo bons treinamentos e foi bem no primeiro jogo contra o ABC como lateral esquerdo. E fez mais uma grande partida (contra o Remo)”, destacou o treinador.
Apesar dos elogios, Eduardo entende que ainda pode render mais na posição. “Senti o ritmo, porque fiquei nove meses parado e não é pouco tempo. Treinar não é a mesma coisa. Faz só um mês que venho treinando e já peguei um jogo grande como esse. No passar dos jogos, pegando sequência e ritmo, vou melhorar ainda mais”, apontou, ressaltando a importância da cobertura da defesa. “Das vezes em que eu errei, os companheiros estavam lá para cobrir e isso é o que faz um grupo forte.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *