Em jogo-treino, Sport mostra dificuldade ofensiva e empata;

ADAURY VELOSO ;

Em atividade no CT, Milton Cruz testou dois times e deu pistas da base que deve estrear no campeonato estadual contra o Flamengo de Arcoverde;

No segundo jogo-treino da pré-temporada – o primeiro foi vencido por 6 a 0 diante da Agap-PE -, o Sport mostrou dificuldades ofensivas e não conseguiu sair do placar de 0 a 0 com o Perilima, na tarde desta quarta-feira, em movimentação realizada no CT do clube. A equipe rival conta com o meia-atacante Marcelinho Paraíba, ex-jogador rubro-negro de 43 anos. A atividade foi dividida em duas partes, com o técnico Milton Cruz apostando em escalações distintas.

Na segunda formação, surge uma base do que ele deve escalar para a estreia em 2019 diante do Flamengo de Arcoverde, pelo Campeonato Pernambucano, no próximo dia 19. Até lá, no entanto, o treinador terá trabalho para fazer ajustes importantes como ajustar a criação do time, que ainda sente a falta de um meia de criação.

Primeira parte sem força e com reservas

O Sport começou a movimentação ainda sem as presenças das principais peças do elenco. Milton Cruz decidiu fazer uma série de testes e escolheu dez jogadores formados no clube. A exceção foi o lateral direito Raul Prata. Desse modo, a escalação para o início do jogo-treino foi: Mailson; Raul Prata, Walber, Charleston e Evandro; Thallyson, João Victor e Juninho Foz; Alisson, Marquinhos e Marlon.
Com esse time, o Rubro-negro apresentou dificuldade ofensivas. Com pouca criação e tendo o Perilima marcando atrás da linha do meio-campo, o Sport foi pouco efetivo e viu a melhor surgir com uma jogada individual de Marlon. Ele driblou o zagueiro, invadiu a área e chutou, mas o goleiro Pantera impediu o gol. No fim do primeiro tempo, 0 a 0 no placar.

Segunda parte com time titular

Na volta para a etapa final da atividade, Milton Cruz deu sinais da base do time que pode estrear no próximo dia 19 de janeiro, contra o Flamengo de Arcoverde, pelo Campeonato Pernambuco. A escalação foi: Luan Polli; Norberto, Adryelson, Chico e Sander; Ronaldo, Neto Moura e Pablo Pardal; Pedro Maranhão, Hernane Brocador e Ezequiel.
Luan Polli, no entanto, deve ser reserva de Mailson na estreia da temporada. Na atividade, vale ressaltar, jogadores bem cotados como o atacante Juninho e o meia Jadsom foram poupados e não participaram da atividade.
No jogo-treino, de qualquer modo, a equipe totalmente modificada apresentou evolução. Ao lado de Adryelson, o também prata da casa e zagueiro Chico mostrou segurança e qualidade na saída de bola. Já no setor ofensivo, Ezequiel se destacou ao impor velocidade pela ponta direita e auxiliar com bons passes.
Outros pontos a serem ressaltados foram a entrega de Hernane Brocador e as boas movimentações do atacante Pedro Maranhão, pelo lado esquerdo, e o meia-atacante Pablo Pardal, que atuou mais centralizado.
O melhor lance da atividade veio já no fim após Pedro Maranhão recuperar a bola e cruzar na cabeça de Hernane Brocador. O centroavante saltou, mas o goleiro novamente impediu a bola de entrar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *