Faminto para deixar a degola Sport enfrenta o Bahia;

ADAURY VELOSO ;

SÉRIE A

Sport visita Bahia em novo duelo de nordestinos pressionados contra queda; veja histórico

Na zona de rebaixamento, Rubro-negro está a dois pontos do rival tricolor;   Vencer para deixar a zona de rebaixamento. Essa é a missão do Sport diante do Bahia, nesta quarta-feira (5), na Arena Fonte Nova. Com o jogo marcado para iniciar às 19h30, em Salvador, um trinfo leonino significa o “passaporte da alegria” para deixar o grupo da degola. Atualmente ocupando a 17ª colocação, com 23 pontos, o Leão chegaria aos 26 pontos e ultrapassaria o próprioTricolor de Aço, que possui 25 pontos.

O ponto positivo é que o time conseguiu quebrar um jejum de 11 partidas sem vencer ao bater o Paraná, no último domingo, em casa. Neste Brasileirão, em apenas duas ocasiões os rubro-negros conseguiram duas vitórias seguidas. Com uma sequência dura pela frente, com direito a Cruzeiro, Corinthians, Palmeiras, Atlético/MG e Internacional, este jogo diante do Bahia vem sendo considerado fundamental para aliviar a pressão e conseguir encarar essa continuidade de Série A.

Para esta árdua tarefa contra os baianos, o treinador Eduardo Baptista perdeu duas peças importantes, uma delas de última hora. No treinamento desta terça (4), na Ilha do Retiro, o meia Michel Bastos sentiu um desconforto muscular e acabou vetado, dando mais uma dor de cabeça para o comandante leonino já que vinha sendo cotado para estar entre os titulares. Antes, a utilização do atacante Hernane Brocador já havia sido descartada diante dos baianos. Neste caso, a ausência se deve pelo famoso “acordo de cavalheiros” entre os clubes, uma vez que o Bahia paga uma parte dos vencimentos do jogador.

Adotando o mistério, Eduardo Baptista fechou a movimentação e não deu muitas pistas. Rafael Marques é uma das opções mais prováveis para ocupar o papel de centroavante no lugar de Hernane. Outra possibilidade é deslocar Rogério para a função, abrindo uma vaga entre os armadores. Caso isso aconteça, Marlone e Rafael Marques lutariam por essa vaga, com Andrigo e Gabriel garantidos.

No meio de campo, outra dúvida do comandante rubro-negro. Mesmo com Deivid retornando de suspensão automática, Baptista não garantiu o seu retorno ao time titular. Assim, Nonoca, Neto Moura e o próprio Deivid lutam por uma vaga ao lado de Fellipe Bastos. Porém, para abrir ainda mais o leque de dúvidas do adversário, o treinador deixou em aberto até mesmo se poderá utilizar um esquema com três volantes na Fonte Nova. “A quebra do jejum foi importante, pois estava realmente incomodando. Agora é dar sequência. Será um confronto direto, jogo difícil e que vamos entrar com foco total”, comentou Eduardo Baptista, em entrevista ao site oficial do clube.

   Bahia

 

Com 25 pontos e na 14ª colocação, o time comandado por Enderson Moreira precisa vencer para se afastar da zona de rebaixamento. Para encarar o Sport, o Tricolor de Aço tem como grande dúvida o atacante Gilberto (ex-Sport e Santa Cruz). O atleta está com suspeita de conjuntivite e ainda não sabe se terá condições de jogo.

   Ficha técnica

 

Bahia
Douglas Friedrich; Bruno, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Élton, Vinícius, Clayton e Edigar Júnio; Gilberto (Marco Antônio). Técnico: Enderson Moreira.

Sport
Magrão; Cláudio Winck, Ernando, Durval e Sander; Deivid (Neto Moura ou Nonoca), Fellipe Bastos; Gabriel, Andrigo e Marlone (Rafael Marques; Rogério. Técnico: Eduardo Baptista.

Local: Arena Fonte Nova.
Horário: 19h30.
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP).
Assistentes: Émerson Augusto de Carvalho e Anderson José de Moraes Coelho (ambos de SP).
Transmissão TV: Premiere e Sportv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *