FPF paralisa Série A2 do Pernambucano;

ADAURY VELOSO =

O 1º de Maio tenta reverter decisão do TJD-PE que devolveu dez pontos ao Decisão; A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) recebeu, na tarde desta quarta-feira, uma ordem através do presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE), Felipe Rêgo Barros, exigindo a suspensão do Campeonato Pernambucano da Série A2. O posicionamento do Tribunal aconteceu em decorrência da solicitação feita pelo presidente do 1º de Maio, Josué Nascimento, na última terça-feira. Num Mandado de Garantia, o clube havia solicitado a suspensão da competição, com a intenção de tirar novamente os dez pontos do time do Decisão. Sem eles, o Falcão estaria fora do hexagonal, e o 1º de Maio dentro.

A argumentação usada pelo presidente do 1º de Maio é de que a ação de devolução dos pontos fere o regulamento da A2, onde diz que apenas quatro atletas por equipe podem ter tido contato com outras competições estaduais no ano. No Decisão, os meias Natan (ex-Santa Cruz) e Diógenes estavam no elenco do Flamengo de Arcoverde e a contratação deles para a disputa excede a quantidade permitida.
“Verifico que a decisão recorrida, que invalidou o regulamento de 2019 da competição, tem o condão de causar grave prejuízo à competição, com a determinação de aplicação do regulamento de 2018. Ocorre que aquela competição tinha número de equipes diferente e formato de competição distinto (grupos, fases, etc). Diante disso, há sérias dúvidas sobre como deve ser a continuidade do presente campeonato”, detalha um trecho da documentação.
“Some-se a isso a urgência na medida, dado que os jogos da segunda fase da competição aconteceriam hoje (dia 11/09/2019), dentro de poucas horas. Diante do exposto, CONCEDO A LIMINAR no sentido de paralisar o campeonato pernambucano Série A2 até que o STJD se pronuncie sobre a matéria”, finalizou o documento.
Agora, os pernambucanos estão à espera da decisão do STJD para que o hexagonal, enfim, comece.
Nesta quarta-feira aconteceriam três confrontos: Retrô x Vera Cruz, Decisão x Porto e Centro Limoeirense x Íbis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *