Henriquez faz saldo positivo de 2017, mas fala em ‘erros’ e projeta 2018;

ADAURY VELOSO ;

Apesar de lembrar dos desacertos cometidos no clube rubro-negro durante esta temporada, zagueiro enumerou feitos realizados pelo time no ano ;

Desde o início do ano passado na Ilha do Retiro e com contrato vigente até 31 dezembro de 2018, Henriquez acredita que 2017 terminou com um saldo positivo para o Sport. Apesar de o Leão brigar até a última rodada da Série A para não ser rebaixado à Segunda Divisão, o zagueiro colombiano enumerou feitos realizados pela equipe rubro-negra que considera relevantes. Não deixou de falar em erros, contudo.

Para o zagueiro, a conquista do Estadual, a ida à decisão do Nordestão, a chegada ao G5 no Brasileiro até do time despencar de produção, assim como a classificação inédita às quartas de final da Copa Sul-Americana, são realizações do Sport no ano que merecem destaque.
“O Sport não teve uma boa sequência no segundo semestre, que refletiu muito a situação complicada que vivemos. Mas fomos campeões pernambucanos, fomos à final da Copa do Nordeste, fechamos o primeiro turno na 6ª posição e também batemos recorde na Sul-Americana”, declarou ao site oficial do Leão.
Com a certeza que continuará no Sport para o ano que vem, ele não deixa de lembrar que o clube também cometeu falhas durante a temporada. Sem especificar quais, apenas alerta para que o próximo ano seja mais satisfatório. “Precisamos aprender com nossos erros finais para fazer um 2018 melhor.”
Depois de um 2017 de altos e baixos, Henriquez faz também uma autoanálise e considera que pode se consolidar na equipe após ter terminado o ano como um dos titulares da zaga do Leão. “Meu balanço pessoal é bom e estou feliz e tranquilo porque tenho condições e posso ser titular. Agora é descansar um pouco e aproveitar com a família”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *