Josa se torna peça fundamental no time do Náutico;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO

Titular na sequência de quatro vitórias, Josa se torna peça fundamental no time do Náutico

Jogador, que voltou à equipe após se recuperar de grave lesão no joelho, teve papel tático reconhecido pelos próprios companheiros;

Na recuperação do Náutico na Série C, alguns jogadores ganharam espaço no time, como o lateral-direito Bryan, o prata da casa Rafael Ribeiro – que, lesionado, ficará pelo menos um mês afastado- além do lateral esquerdo Assis e do zagueiro Suelinton, últimos contratados para a competição. Porém, taticamente, talvez nenhum outro tenha tido tanta importância como o volante Josa, que após se recuperar de uma grave lesão no joelho, sofrida no jogo de ida da final do Campeonato Pernambucano, retornou justamente na vitória por 3 a 2 sobre o Remo, a primeira das quatro vitórias consecutivas da equipe. A importância foi reconhecida pelos próprios companheiros de equipe.

Autor de dois gols nesta Série C, sempre atuando como segundo volante, Jhonnatan acredita que além da experiência, a presença de Josa em campo ajudou a trazer um maior equilíbrio para a equipe. “O Márcio (Goiano, treinador) busca o equilíbrio. O Josa é um cara mais experiente, que auxilia bastante conversando com a gente na frente da área, ajudando o pessoal da primeira linha de marcação. Foi um cara que acrescentou muito no aspecto defensivo e dá um pouco mais de liberdade tanto pra mim, quanto para o Luiz Henrique chegar mais à frente. Na hora que perdemos a bola tem o Josa para dar esse primeiro bote”, analisou.
Outro que destacou a importância do volante à frente da defesa foi o zagueiro Camacho, que deve retornar ao time na partida de sábado, diante do Confiança, substituindo o lesionado Rafael Ribeiro. “Realmente a experiencia e liderança que ele tem faz uma diferença grande e dá uma segurança maior ao sistema defensivo. Nós vínhamos jogando com um volante mais fixo praticamente desde o início do ano. E acredito que dessa forma a equipe fica um pouco mais confortável, apesar de nós também termos jogado bem com dois volantes de mais saída. Fica a critério do treinador decidir o melhor esquema. Mas com a liderança e a força do Josa nosso time só tem a crescer”, completou.
Aos 33 anos, Josa é um dos atletas mais experientes do atual elenco do Náutico e já disputou 19 partidas na temporada, sendo 17 como titular. Uma delas, justamente contra o Remo, atuando improvisado como lateral esquerdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *