Diego Souza: Justiça mantém liminar a favor do Flu;

ADAURY VELOSO ;      Justiça rejeita recurso e Sport não recebe R$ 5 mi da venda de Diego Souza;

São Paulo deve pagar ao Flu cerca de R$ 5 mi, 50% do valor da compra junto ao Sport; caso ainda aguarda julgamento

SPORT

Justiça: Sport sofre derrota e Diego Souza: Justiça mantém liminar a favor do Flu na venda feita pelo Sport ao São Pauloé mantida na venda de Diego Souza

Liminar que exige pagamento da venda de Diego Souza segue mantida;

O Sport sofreu uma derrota nos tribunais. Na manhã desta terça-feira, foi negado um recurso do clube rubro-negro em relação à liminar pedida pelo Fluminense para que o pagamento restante da transferência de Diego Souza para o São Paulo – R$ 5 milhões – fosse depositado em juízo. O caso foi avaliado pela. 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e teve decisão publicada no site do Tribunal de Justiça do estado.

Diego Souza foi vendido pelo Leão em janeiro desta temporada. O valor foi de R$ 10 milhões. Do montante estipulado, metade já havia sido recebido pelo Rubro-negro ainda em janeiro. Em seguida, instalou-se o imbróglio.
O Fluminense entende que tem direito ao restante do pagamento já que detinha 50% dos direitos econômicos de Diego Souza. O Sport, por sua vez, baseia-se em uma troca de e-mails em que o Tricolor Carioca teria aceito receber apenas R$ 1 milhão pela venda do atleta na época das negociações.
Diante deste cenário, o Fluminense entrou com uma ação na Justiça e conseguiu o bloqueio até que houvesse uma decisão final no sobre o caso. Enquanto isso, o São Paulo vem cumprindo com os pagamentos previstos e já realizou o depósito em juízo de R$ 3,3 milhões e quitará o restante do acordo com mais duas parcelas de R$ 850 mil cada nos meses de setembro e novembro.
Em paralelo a isso, corre na Justiça o processo que definirá de fato quem receberá o valor restante da venda de Diego Souza. A reportagem  tentou contato com o departamento jurídico do Sport, mas não teve as ligações atendidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *