lateral esquerdo Erick Daltro é apresentado no Náutico;

ADAURY VELOSO –

a entrevista, chamaram a atenção as breves respostas do jogador em cada uma das oito perguntas às quais foi submetido; Anunciado na semana passada pelo Náutico, o lateral esquerdo Erick Daltro foi apresentado oficialmente pelo clube na última terça-feira no Centro de Treinamento Wilson Campos. Na entrevista coletiva, chamou a atenção a objetividade do jogador nas respostas. Em quatro minutos e 18 segundos, o atleta respondeu oito perguntas dos jornalistas.

Daltro foi contratado após a lesão de Assis – fora da temporada por uma luxação no ombro. Sua última partida foi no dia 9 de junho. Ele tem treinado com todo o grupo desde quarta-feira.
Além dele, o Timbu havia anunciado dias antes para o setor Wilian Simões, que já estreou pela equipe na vitória contra o Sampaio Corrêa e desponta como titular.
Confira abaixo a entrevista coletiva do jogador na íntegra.

Você já rodou bastante, passou por clubes de Portugal (Lixa e São Martinho) e outros aqui no Brasil. Como você enxerga o Náutico nesse momento da sua carreira?

“Primeiro, quero agradecer ao clube por abrir as portas para eu mostrar meu potencial e ajudar o clube. Pela pouca idade que eu tenho (26 anos), já rodei muito. E hoje o náutico me deu a oportunidade de mostrar o meu trabalho e seguir a minha carreira”.
Você chegou para uma posição que desde o início do ano é muito buscada. Recentemente chegou Wilian Simões e já virou titular. E agora chega você também. Como você vê a disputa por uma vaga no time?
“Para estar no Náutico tem que ter qualidade. Wilian é um jogador que tem bastante qualidade. Mas eu chego tranquilo, vou trabalhar sempre respeitando o próximo. Mas sabendo que eu quero jogar”.
Quais as suas características de jogo e o que o torcedor do Náutico pode esperar de você?
“Sou bastante ofensivo, habilidoso. E também marco. A torcida pode esperar bastante força, garra. Eu não vou deixar um minuto sequer faltar vontade”.
O Náutico está na iminência de um clássico. Qual a sua condição, está bem fisicamente?
“Eu já vinha atuando no antigo clube. Agora eu deixo a opção para o treinador. Se ele achar melhor… se não, vou aguardar a minha oportunidade”.
 
Você já conhecia o clube? O que motivou você a vir para o Náutico?
“Todo mundo já conhece o Náutico. É um excelente clube, faz um excelente trabalho. Uma oportunidade nova, para mim está sendo uma excelente oportunidade. Eu venho com muita vontade. Eu sou nordestino, algo que me motivou ainda mais a vir para cá também. Quero fazer a torcida feliz e colocá-lo onde merece estar”.
 
Até agora, como tem sido a sua carreira?
“Eu ainda não consegui nenhum acesso, mas já fui campeão baiano pelo Bahia, em 2013. Mas acesso nenhum e espero conseguir aqui”.
Você conhece alguém do atual grupo?
“Sim, já joguei com Jefferson que estava comigo no Joinville. Matheus Carvalho também no Fluminense e Bruno no Bahia”.
 
Você disse que era Nordestino. De onde?
“Eu sou natural de Salvador, mas saí muito cedo, com quatro anos de idade. Mas está no meu sangue, sim, baiano”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *