Léo Costa treina e está liberado para jogar, mas argentino Parra vai ficar até 15 dias parado

ADAURY VELOSO;

O Santa Cruz pode ter o retorno do meia Léo Costa para enfrentar o Salgueiro, no Arruda, pela próxima rodada do Campeonato Pernambucano. Fora do Clássico das Multidões por causa de incômodos na coxa esquerda, o meia treinou normalmente nesta segunda-feira e está liberado para jogar. Sem ainda ter estreado pelo clube, o atacante Facundo Parra, por outro lado, realizou exame de imagem na panturrilha esquerda e foi diagnosticada uma lesão que o deixará inativo “de dez a 15 dias”, segundo o médico Wilton Bezerra.

Regularizado na CBF nesta segunda junto do também atacante Júlio César, o argentino não havia participado dos três últimos treinos da semana passada e voltou a se ausentar nesta tarde por causa da lesão. Já Léo Costa participou da segunda parte dos trabalhos após ter feito atividades físicas na academia do Arruda.

“Léo Costa poderia até ir para o jogo se fosse um jogo decisivo. Mas, como foi um jogo de começo de campeonato, houve um consenso da comissão técnica e departamento médico em deixá-lo de fora. Está treinamento normalmente”, disse Bezerra. “A gente libera da parte médica, e ele está na transição (para a parte física). (A sua escalação) vai depender do treinador”, emendou.

Elicarlos
O volante, que deixou o clássico com dores na coxa direita, pode desfalcar o Tricolor pelas duas próximas partidas. Pode não enfrentar o Salgueiro (partida marcada para quinta-feira, mas que que tem chances de ser remarcada para a a próxima semana) porque só será liberado após passar por ressonância. No próximo sábado, já não enfrenta o Uniclini-CE, no Ceará, pela Copa do Nordeste, já que está suspenso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *