MAIS UMA AÇÃO CONTRA O SPORT;

ADAURY VELOSO ;  POR JOSÉ JOAQUIM ;

A cada dia uma novidade ruim na Ilha do Retiro.

A que foi divulgada ontem por nossas mídias foi a ação judicial de autoria do Esporte Interativo no valor de R$ 12 milhões pela não participação do clube na Copa do Nordeste.

Segundo a emissora havia um acordo documentado entre as partes.

A ação tem como premissa a quebra de contrato.

O Sport por conta de mais uma arrogância do seu presidente, Arnaldo Barros, resolveu não disputar a competição de 2018, e de forma açodada desistiu também da próxima temporada, inclusive deixando a Liga cujo clube que hoje dirige foi um dos fundadores.

Os rubro-negros precisam responsabilizar o presidente por todos os prejuízos que tem causado. Em apenas três meses apareceram diversas ações contra o clube.

Fluminense (R$ 5 milhões), Atlético-MG (1,2 milhão), um pouco mais de R$ 1milhão dos procuradores de Ritheli, um débito com o Sporting pela compra de André, Fundo de Garantia que não foi depositado na conta dos funcionários e jogadores que foram afastados, além de dezenas de processos na Justiça do Trabalho. 

Não há solução para essa gestão, que está se aliando à Rede Globo para derrubar o Esporte Interativo na Copa do Nordeste, esquecendo que esse canal tem contrato com vários clubes que disputam tal competição.

Uma vergonha, mas os rubro-negros parecem que estão satisfeitos, desde que não tomam as devidas providências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *