Náutico deve ter time misto no Nordestão;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO

Com Wallace Pernambucano como dúvida, Náutico deve ter time misto no Nordestão

Atacante ainda está em observação devido a pancada na cabeça que sofreu no jogo do último domingo, contra o Afogados ;

Mesmo tendo a obrigação de vencer para seguir com chance de classificação a quarta de final da Copa do Nordeste, o técnico Roberto Fernandes deve mesmo colocar em prática a intenção de mandar a campo uma equipe mista para o jogo da próxima quinta-feira, diante do Botafogo-PB, na Arena de Pernambuco. Nesta terça-feira, o treinador comandou um treino aberto á imprensa, onde todos os titulares na vitória por 1 a 0 sobre o Afogados foram poupados. Desses, o meia-atacante Wallace Pernambucano deve ser um desfalque certo.

O jogador segue em observação como forma de precaução devido a forte pancada que sofreu na cabeça diante do Afogados, quando chegou a desmaiar e precisou ser substituído em seguida. “Por causa do ‘apagão’ ele teve, inicialmente se mantém em observação. Ainda temos amanhã para observar o jogador, vamos deixar de acordo com a evolução dele”, afirmou o médico alvirrubro Raphael Burlamaqui.
“Toda vez que um jogador tem um desmaio em campo a conduta e retirá-lo da partida e mantê-lo em observação para ver se ele tem algum episódio de alteração neurológica. Isso é uma orientação da CBF. Mas até agora ele não apresentou nenhuma alteração”, completou.
Outro jogador que estava com o departamento médico foi o lateral-direito Thiago Ennes, que apresentou um quadro de furúnculo na região do abdômen, já retirado. Com isso, o atleta deve ser liberado para o treinamento normalmente nesta quarta-feira. Já o zagueiro Breno Calixto, com um estiramento muscular, segue de fora, com prazo de retorno entre duas a três semanas.
Por conta de desgaste muscular, há ainda a possibilidade de Roberto Fernandes segurar outros jogadores visando o confronto do próximo domingo, contra o Salgueiro, pela semifinal do Campeonato Pernambucano. Um deles é o volante Wendel. No entanto, em entrevista coletiva nesta terça, o jogador fez questão de se colocar à disposição para a partida frente o Belo.
“Venho de uma sequência pesada para quem estava parado há muito tempo. Mas me senti bem durante os noventa minutos e isso me deixa satisfeito. Foi apenas o meu terceiro jogo e a cada dia estou crescendo fisicamente e isso é bom. O Roberto não comentou nada comigo com relação à equipe que ele vai usar na quinta-feira, mas hoje fiz um fortalecimento e estou à disposição para ajudar, que seja 60, 70 ou 80 minutos”, analisou Wendel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *