NÁUTICO Milton Cruz estuda opções para surpreender Leão

ADAURY VELOSO ;

Acabou o tempo de sofrer pelo revés passado. Focado no presente e sonhando com uma futura final no Campeonato Pernambucano 2017, o Náutico segue trabalhando para encontrar a equipe ideal para o jogo contra o Sport, domingo, na Arena de Pernambuco, pela segunda partida da semifinal da competição. Ainda sem saber se poderá contar com o volante Rodrigo Souza, que segue se recuperando de dores na panturrilha direita, o técnico Milton Cruz pode promover algumas mudanças na equipe titular. Tudo para tentar surpreender o Leão e quebrar o jejum de décadas sem vencer o rival em um mata-mata.
Começando pela defesa, o treinador pode optar pela entrada de laterais mais experientes, trocando os jovens David e Manoel por Sueliton e Giovanni, respectivamente. Outra opção é colocar o último dos citados na cabeça de área, ao lado de Rodrigo Souza ou João Ananias. Essa inclusive era a intenção no jogo passado, mas Giovanni acabou tendo problemas estomacais e ficou fora do confronto.
Milton também pode deixar o Timbu mais ofensivo caso opte por um esquema com apenas um volante e dois homens de armação. Rodrigo Souza, João Ananias ou Darlan brigariam pela vaga de primeiro marcador, com Dudu e Marco Antônio no setor de criação. Outra ideia seria acionar Maylson no setor, sendo o “homem-surpresa” na frente ou então ajudando na marcação pelas laterais – o Alvirrubro sofreu no jogo passado com as investidas de Diego Souza pelo lado direito. No ataque, ao lado de Erick e Anselmo, a equipe poderia contar com um mais um centroavante, tendo as opções de Alison e Giva. Outra possibilidade é utilizar atacantes que joguem mais pelas laterais, casos de Jefferson Nem e Juninho.
Para chegar à decisão do Estadual, o Náutico precisa derrotar o Sport por no mínimo dois gols de diferença. Uma vitória simples levará o jogo para as penalidades. Qualquer outro resultado colocará o Leão na final do torneio.
Autor de um dos gols alvirrubros na derrota por 3×2 no primeiro jogo das semifinais, o atacante Anselmo destacou qual deve ser a postura do Timbu no reencontro com os rubro-negros. “Precisamos ser mais agressivos. Agredimos pouco o Sport no jogo passado. Essa foi uma de nossas cobranças no vestiário. Precisamos de mais agressividade, não só com os atacantes, mas com os laterais e meias”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *