Náutico pode vencer terceira partida seguida ;

ADAURY VELOSO ;

Última vez que Timbu emendou três triunfos seguidos foi na Série B de 2016;

O Náutico entra em campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Belo Jardim, fora de casa, com a missão de garantir a liderança da fase classificatória do Estadual e, com isso, ter vantagens de jogar como mandante na Arena de Pernambuco não só nas quartas de final, como também em uma possível semifinal e também no jogo de volta da decisão. No entanto, há também outro motivo para os alvirrubros buscarem os três pontos no Sesc Mendonção. No caso, a quebra de um jejum.

Desde 2016, os alvirrubros não conseguem emendar uma sequência de três vitórias seguidas. A última foi entre a 26ª e a 31 rodada da Série B daquele ano, quando a equipe, então comandada pelo técnico Givanildo Oliveira, engatou uma série de seis triunfos consecutivos, entrando de vez na briga pelo acesso, perdido na última rodada.
Já a atual equipe, sob a batuta de Roberto Fernandes, vem de vitórias sobre Flamengo de Arcoverde, pelo Campeonato Pernambucano, e Cuiabá, válido pela ida da terceira fase da Copa do Brasil.
Por sinal, apesar da boa temporada do Timbu até o momento, a equipe ainda não havia conseguido encaixar duas vitórias seguidas. Até o momento, em 17 partidas já realizadas em 2018 (é a equipe que mais jogou no ano no futebol brasileiro), o Náutico acumula sete vitórias, sete empates e três derrotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *