Náutico; volante Jobson projeta evolução;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO;

Sem explicar os motivos para baixo rendimento do Náutico, volante Jobson projeta evolução

Para o volante, time já apresentou melhoras com técnico Márcio Goiano ;

De um dos favoritos ao acesso à lanterna do seu grupo na Série C. A campanha do Náutico no Campeonato Brasileiro supreende negativamente não só os torcedores, mas também o próprio elenco alvirrubro. Autor do gol que garantiu o título estadual deste ano, o volante Jobson admitiu que não consegue achar explicações para o momento ruim do clube. Porém, projetou uma evolução para os próximos jogos. A começar pelo do próximo sábado, contra o Remo.

“Eu não vou conseguir falar o que aconteceu para estarmos nessa situação. O que a gente sabe é que não podemos continuar assim. A gente sabe que o nosso primeiro turno não é bom. O Náutico não merece estar onde está, não é time para estar brigando na parte de baixo. Temos a consciência que temos que colocar a bunda no chão e se doar ao máximo para tirar o clube dessa situação”, destacou o meio-campista.
“A conversa não é apenas com os jogadores que ficaram do Estadual e sim com o grupo todo. O nosso elenco é muito unido. Tanto o do Estadual, quanto os que chegaram depois. Se conseguimos ser campeões também vamos conseguir sair dessa situação”, prometeu.
Para Jobson, apesar da derrota para o ABC por 2 a 0 na última rodada, o Náutico já demonstrou uma evolução no seu futebol. Com isso, a confiança de ainda lutar por uma vaga nas quartas de final foi renovada.
“Jogamos bem contra o ABC e em dois erros nossos tomamos os dois gols. Mas o time está em uma crescente. O Márcio (Goiano, técnico) vem conseguindo corrigir alguns pontos e o time vem melhorando. Isso é nítido”, avaliou.
O jogo do próximo sábado é um confronto direto contra a queda. Isso porque Náutico e Remo estão juntos na zona de rebaixamento, nas duas últimas posições do Grupo A, ambos com sete pontos. O Timbu é o lanterna por ter pior saldo de gols.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *