No Sport, interino estabelece três vitórias em quatro partidas;

ADAURY VELOSO ;

Daniel Paulista mira aproveitamento de 75% nos últimos jogos e espera terminar a Série A com 45 pontos, margem histórica para a permanência ;

Desde quando o Sport se viu ameaçado pelo rebaixamento nesta Série A, o discurso no clube foi pensar jogo a jogo. Mas agora a corda apertou no pescoço do Leão, e o interino Daniel Paulista já começa a fazer os cálculos para evitar a queda à Segunda Divisão. O comandante revela a sua matemática. Diz que precisa vencer três dos quatro compromissos restantes no campeonato.

Na zona da degola, o Sport tem 36 pontos somados. Com mais nove das três vitórias que planeja, chegaria a 45 no fim da competição – justamente a média histórica para a permanência na elite no formato dos pontos corridos, vigente desde 2006. Mas o coeficiente de rendimento necessário que o Rubro-negro necessita neste ‘sprint’ final do Brasileirão é pesado. Para escapar da degola, deve ter daqui para frente um aproveitamento avassalador de 75% – bem maior, por exemplo, que o do líder Corinthians no geral, com 66,7%.
O Sport agora encara o Palmeiras no próxima quinta-feira, no Allianz Parque. Depois, enfrenta Bahia (casa), Fluminense (fora) e encerra a participação nesta edição da Série A exatamente contra o Corinthians, na Ilha do Retiro. Para a penosa missão de não se afundar no Z4, além de fazer contas, Daniel Paulista tenta elevar o moral do elenco.
“O vestiário está triste, (clima) de derrota. Não poderia ser diferente. É continuar trabalhando. Temos quatro jogos e temos que buscar três vitórias, pelo menos. Vamos tentar resgatar os jogadores, levantar o moral e fazer o máximo para sair dessa situação”, frisou o interino rubro-negro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *