PC Gusmão não se vê pressionado no Santa Cruz ;

ADSURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Sem vencer e sem ver equipe marcar gols, PC Gusmão não se vê pressionado no Santa Cruz

Técnico focou nos treinos de finalização ao longo desta semana visando jogo contra o Globo, na próxima segunda-feira, em Ceará-Mirim ;

Em três partidas à frente do Santa Cruz, o técnico Paulo César Gusmão ainda não pôde sentir o gosto da primeira vitória pelo clube. Pior, sequer ainda sentiu o gosto de gritar gol. Até aqui, o Tricolor empatou duas vezes em 0 a 0 e perdeu uma vez para o ABC, pela Copa do Nordeste. Ciente da necessidade de buscar a evolução da equipe sobretudo no que diz respeito ao sistema ofensivo, o treinador apostou nos trabalhos de finalização ao longo desta semana. Questionado sobre a pressão por ainda não ter vencido, mostrou-se tranquilo.

Procuramos trabalhar dentro das necessidades do time. Fazer gols, a gente quer fazer sempre. Principalmente no último jogo (contra o Remo), nos precipitamos na tomada de decisão da última, da penúltima bola. O time está ansioso. Poderíamos servir melhor o companheiro. Mas a gente conversou durante a semana sobre essa tomada de decisão principalmente fora de casa para que haja essa melhora”, afirmou PC Gusmão. “Temos que procurar ter mais equilíbrio”, reforçou.
O próximo compromisso coral será novamente longe do Arruda. Pela quinta rodada da Série C, o Tricolor vai a Ceará-Mirim enfrentar o Globo-RN, na próxima segunda-feira. Criticado para lenta resposta ao trabalho de três semanas, PC Gusmão, experiente, tirou por menos a cobrança da torcida.
“São três jogos sem vencer de um total de quatro desde a minha chegada por também trabalhamos muito no jogo contra o Atlético-AC (vitória tricolor com o auxiliar-técnico Adriano Teixeira à frente do time interinamente), mesmo ainda não estando à beira do campo. A cobrança para qualquer um para trabalhar aqui é grande como em qualquer equipe. Faz parte da nossa profissão”, disse o treinador coral.
Sobre o adversário, o Globo, equipe que ocupa a oitava posição e ainda não venceu na competição, PC Gusmão foi reticente. “A gente prevê uma dificuldade grande. É uma equipe que vem jogando junta há três anos, com poucas mudanças, joga bem dentro do campo deles e avaliamos uma equipe bem montada, com Romarinho em um momento muito bom. A gente espera dificuldade”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *