Presidente calcula em R$ 1,5 milhão para fechar as contas do Náutico;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO

Presidente calcula em R$ 1,5 milhão receita para fechar as contas do Náutico em 2018

Segundo Edno Melo, clube alvirrubro já possui recursos para pagar os salários do elenco que disputou a Série C do Campeonato Brasileiro;

Apesar do prejuízo financeiro com a eliminação do Náutico nas quartas de final da Série C e a permanência por mais um ano fora das duas principais divisões do futebol nacional, a diretoria alvirrubra tem confiança em fechar 2018 sem atrasar salários de atletas e funcionários. Fantasma recorrente em temporadas passadas. Segundo o presidente Edno Melo, com mais R$ 1,5 milhões em caixa o clube deve sanar todos os seus débitos até o final do ano.

Com relação ao futebol profissional, o dirigente afirmou que o clube já possui os recursos para quitar os salários ainda a vencer com o elenco que disputou a Série C. Com os salários em dia, restam o pagamento dos vencimentos de agosto e setembro com a maioria dos atletas. Um pequeno número possui contrato se encerrando em outubro.
De acordo com Edno, os atletas serão chamados para resolverem suas situações de formas individuais. E aos jogadores que não interessam para a próxima temporada serão propostos acordos para a rescisão mais rápida dos contratos. “A grande maioria do elenco, diria que 95%, possui seus contratos encerrando em setembro. O pagamento da folha relativa à carteira de trabalho está garantido para o próximo dia 10. A imagem será quitada no dia 20. Vamos pagar tudo o que os atletas têm direito. Não vamos deixar nenhuma causa trabalhista”, garantiu.
Desta forma, a preocupação do dirigente é garantir os recursos para tocar o Náutico nos meses de inatividade do futebol, com o pagamento dos salários dos funcionários e a manutenção da estrutura do clube. “Temos ainda quatro meses de salários, além do 13º dos funcionários e das demais contas do clube. Acredito que com mais R$ 1,5 milhão tocamos até dezembro. Isso seria a renda que teríamos nos jogos das semifinais e final da Série C”, pontuou o dirigente, que afirmou ainda que não vai adiantar nenhuma cota do clube relativa a temporada de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *