Salgueiro visita Sinop-MT pela Copa do Brasil

Adaury veloso;

Depois do Sport e do Náutico, é a vez do Salgueiro estrear na Copa do Brasil 2017. O clube do sertão enfrenta o Sinop-MT hoje, às 21h30, no Gigante do Norte. O Carcará, melhor ranqueado, tem a vantagem do empate, e vislumbra também a premiação por avançar de fase no reformulado torneio mata-mata.

A história do Carcará come­­çou na Copa do Brasil em 2013, após ter ficado na terceira colocação no Campeonato Pernambucano anterior. O time em reconstrução após a queda para a Série D fez uma campanha histórica, chegando até as oitavas de final, passando por times tradicionais como Vitória e Criciúma. A última participação foi no ano passado, mas esteve longe do bom desempe­­­nho de antes. Caiu para a Ferroviária/SP ainda na primeira fase.
Desta vez, com uma base consolidada, o time do Sertão tem condição de melhor ranqueado, e, na nova fórmula, pode ir longe devido a vantagem de empate. Quem passar no confronto irá enfrentar o vencedor de Globo-RN e Fluminense-RJ. Por sorteio, o Salgueiro pode jogar no Cornélio de Barros, caso avance.
O time que vai a campo deverá ser o mesmo que enfrentou o Náutico na última rodada do Pernambucano. O técnico do Carcará, Evandro Guimarães, destacou que a vida do time não será fácil enfrentando um adversário forte fora de casa. “É um adversário difícil, muito perigoso dentro da casa dele. Temos que ter muito cuidado e concentração dentro do jogo para sair com o objetivo nosso que é passar de fase”, disse.
Sinop

A equipe de cidade homônima vem para sua segunda participação na Copa do Brasil. Líder do grupo A no estadual, o time mato-grossense está invicto, e irá para cima do Carcará, já que só a vitória interessa. O time comanda­­­do por Marcos Birigui, po­­­rém, tem um grande desfalque: o atacante Cabralzinho foi expulso na última rodada.

FICHA DO JOGO

Sinop

Naldo; Maranhão, Marinho, Tayron e Edson Bahia; Dourado, Valtinho, Alex e Sandro; Maycon e Andrezinho. Técnico: Marcos Birigui.

Salgueiro
Mondragon, Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério Paraíba e Daniel Nazaré; Rodolfo Potiguar, Toty, Moreilândia e Valdeir; Willian Lira e Dadá. Técnico: Evandro Guimarães.

Local: Estádio Gigante do Norte, Sinop, Mato Grosso
Horário: 20h30 (Horário do Recife)
Árbitro: Bruno Rezende Silva (Goiás)
Assistentes: Marcio Soares Maciel e Leone Carvalho Rocha (ambos de Goiás)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *