Santa Cruz garante empate com o Remo ;

ADAURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Em jogo franco, Santa Cruz garante empate com o Remo e mantém invencibilidade na Série C

Após um primeiro tempo ruim e quase sem criação ofensiva, Tricolor melhorou na etapa final, mas não aproveitou a queda de rendimento do rival ;

O Santa Cruz somou mais um ponto importante ao empata com o Remo neste sábado, no Mangueirão, pelo Campeonato Brasileiro da Série C. Em um jogo franco e equilibrado, com as duas equipes pressionadas pela vitória, o resultado de 0 a 0 refletiu os defeitos de finalização de ambos os lados, assim como os problemas defensivos dos dois times. Melhor para o Tricolor, que manteve a invencibilidade no Grupo A da competição.

No intuito de reforçar o setor defensivo, PC Gusmão armou a equipe com três zagueiros, com Eduardo Britto apoiando o lado esquerdo e dando liberdade para o lateral subir ao ataque. A troca, porém, não foi suficiente para suprir o problema de criação de jogadas. Pior ainda, abriu uma lacuna entre a defesa e o ataque, com Charles e Carlinhos Paraíba como responsáveis por armar jogadas e os pontas jogando praticamente isolados.

O Jogo

Nos dez primeiros minutos, o Santa até surpreendeu ao adotar uma postura ofensiva, pressionando o adversário mesmo na condição de visitante. Mas a primeira finalização só veio aos 16, com Carlinhos, que o goleiro mandou para fora. Tempo para o Remo aproveitar o grande espaço no meio de campo gerado pela formação coral.
A defesa tricolor jogou praticamente no mano a mano com o ataque adversário. Foram seis boas chances, com Isac desperdiçando a primeira de cara com o goleiro, aos 25 minutos, e com um gol anulado aos 29. A melhor chance tricolor aconteceu apenas aos 39, com Charles arriscando da entrada da área e acertando a trave. A sorte jogou dos dois lados e manteve o 0 a 0 na etapa inicial.
O Santa melhorou na volta do intervalo. O time aproximou as linhas e melhorou o combate na frente da defesa, mas demorou para atacar. Das poucas bolas que recebeu, Robert não conseguiu uma finalização clara. Halef Pitbull o substituiu aos 30 minutos, fazendo a sua reestreia. Mas pouco fez. Apesar de pressionar mais a queda de rendimento do adversário e criar mais jogadas no fim, o Tricolor não aproveitou e o placar terminou zerado.

Ficha do Jogo

Remo 0
Vinícius; Levy, Mimica(Martony), Moisés e Esquerdinha; Dudu, Everton(Adenilson) e Leandro Brasília; Elielton, Felipe Marques(Jayme) e Isac. Técnico: Givanildo Oliveira.
Santa Cruz 0
Ricardo Ernesto; Vítor, Danny Morais, Augusto Silva e Eduardo Brito; Charles(Luiz Otávio), Carlinhos Paraíba e Henrique Ávila; Fabinho Alves(Arthur Rezende), Robinho e Robert(Halef Pitbull). Técnico: PC Gusmão.
Local: Mangueirão (Belém-PA). Árbitro: José Mendonça da Silva Junior (PR). Assistentes: Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR) e Andre Luiz Severo (PR). Cartões amarelos: Adenilson (R) e Eduardo Britto (S). Público: 7.887 Renda: R$ 136.045,00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *