Santa Cruz já soma oito baixas na Série C;

ADAURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Com saídas de Ávila e Fabinho Alves acertadas, Santa Cruz já soma oito baixas na Série C

Sem poder repor peças, Tricolor já perdeu mais de 25% das opções do elenco;

O Santa Cruz vive um dos momentos mais difíceis da temporada. Há três jogos sem vencer, fora do G4 e convivendo com salários atrasados, a diretoria do Tricolor tem se desdobrado para administrar uma série de problemas internos. Dentre os quais, a insatisfação de alguns atletas. A direção coral, inclusive, confirmou na manhã desta terça-feira que o lateral esquerdo Henrique Ávila e o atacante Fabinho Alves estão mesmo de saída do clube e negociam uma rescisão contratual amigável.

“Estive com os dois atletas, eles nos procuraram mostrando interesse em deixar o clube e estamos negociando essa rescisão para os próximos dias, embora, oficialmente, eles tenham vínculo com a gente ainda”, disse o executivo de futebol do clube, Fred Gomes, emendando sobre as razões as quais levaram os atletas a pedir desligamento do Santa Cruz.
“A primeira alegação deles foram problemas pessoais. Tanto Fabinho como Ávila alegaram estar passando por problemas familiares e em nenhum momento nós vamos exigir a presença de qualquer atleta que não esteja focado no objetivo do clube, que é o acesso”, disse o dirigente remunerado.
Com mais essas duas perdas, o clube já soma oito baixas no elenco da Série C. O que significa que o técnico Roberto Fernandes já perdeu mais de 25% dos 35 jogadores inscritos para o Brasileiro. Como o regulamento da competição não permite reposição de peças, o Santa Cruz terá que se virar com o que tem em mãos. Até aqui, já deixaram o clube os volantes Luiz Otávio e Leandro Salino, o meia Maicon Assis e o atacante Roberto – além de Fabinho e Ávila. Vetados pelo restante da temporada, o meia Héricles e o atacante Pitbull também desfalcam o time.
“(Essas perdas) são o maior desafio. A gente tem que se superar. Temos limite de inscrição, preenchemos as 35 vagas e infelizmente tivemos a infelicidade de perder esses atletas que deixaram o clube e os que estão lesionados. Além disso, Roberto (Fernandes) ainda está impossibilitado de contar com Carlinhos Paraíba, Valdeir, Leandro Costa, que estão lesionados, e Geovani, que está voltando de lesão. Então, fica um elenco bastante enxuto para trabalhar”, pontuou Fred Gomes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *