Santa Cruz quer melhorar aproveitamento em casa;

ADAURY VELOSO ;

SANTA CRUZ

Santa Cruz quer melhorar aproveitamento em casa para garantir classificação ao mata-mata

Calculando de acordo com o aproveitamento do 4º colocado hoje, o Confiança, basta ao Tricolor vencer seus três jogos em casa para avançar de fase;

Após a vitória diante do Remo, no Arruda, por 2 a 0, o Santa Cruz conseguiu uma gordura mínima dentro do G4 do Grupo A da Série C. A equipe tem 20 pontos e está na terceira colocação, três pontos à frente do Botafogo-PB, primeiro time fora do G4. Para se manter no grupo de classificação à próxima fase sem sustos, o Tricolor precisa vencer três dos próximos cinco jogos que tem pela frente. Ou, simplesmente, manter um alto aproveitamento dentro de casa, vencendo os três jogos que ainda tem como mandante. A começar pelo duelo diante do Globo-RN, no próximo sábado, às 19h.

Fazendo a média de pontos com relação ao aproveitamento do Confiança, atual quarto colocado, que hoje é de 48,7%, caso tal estatística se mantenha assim até o fim da fase de grupos, 27 pontos (aproveitamento geral de 50%) serão suficientes para avançar de fase. Ou seja, o Santa Cruz pode se classificar para as quartas de final, teoricamente, caso some sete pontos dos 15 que restam em disputa. Na vitória do último domingo, porém, o futebol apresentado deixou um sinal de alerta no Tricolor.

“Temos que pensar em melhorar sempre. Mas o primeiro passo como mandante é obter os resultados. Em quantas situações o Santa Cruz deixou de seguir em uma competição por conta disso? Na Série C já perdemos dois jogos e também fomos eliminados da Copa do Nordeste no Arruda. Então o primeiro passo para sermos mandantes é o resultado. Mas vamos melhorar a nossa intensidade de jogo para não sofrermos o sufoco que sofremos no segundo tempo contra o Remo”, analisa o técnico Roberto Fernandes.

Até o jogo contra o Remo, o Santa Cruz era a equipe que tinha somado o menor número de pontos como mandante na Série C. Com a vitória, passou a ter o quarto pior aproveitamento do Grupo A – dez pontos somados em 18 possíveis (aproveitamento de 55%). A equipe disputou seis partidas, com três vitórias, um empate e duas derrotas. Na temporada, o Tricolor tem um aproveitamento geral de 57,7% no Arruda. Foram 15 jogos, sendo sete vitórias, cinco empates e três derrotas.

Diante do Globo-RN, há a possibilidade de se firmar mais ainda na competição e aumentar a distância para as equipes fora da zona de classificação. Por isso, o caráter decisivo do duelo é ressaltado pelo treinador. “Não vamos pensar em perder esse jogo. Contra o Remo o torcedor já começou a chegar junto e apoiar em bom número (14.782 pessoas, o maior público do clube em 2018). Já começamos a ver a força do nosso torcedor. O próximo jogo é uma decisão para nós”, completou.

As últimas Séries C ao fim da 1º fase

2018 (atualmente)

Atlético-AC 26 (66,7%)
Náutico 22 (56,4%)
Santa Cruz 20 (51,3%)
Confiança 19 (48,7%)

2017

Sampaio 32 (59,3%)
CSA 32 (59,3%)
Fortaleza 27 (50%)
Confiança 25 (46,3%)

2016

Fortaleza 30 (55,6%)
ABC 30 (55,6%)
Botafogo-PB 28 (51,9%)

ASA 26 (48,1%)

2015

Fortaleza 36 (66,7%)
ASA 35 (64,8%)
Vila 33 (61,1%)
Confiança 31 (57,4%)

2014

Fortaleza 35 (64,8%)
CRB 27 (50%)
Salgueiro 27 (50%)
Paysandu 26 (48,1%)

2013*

Santa Cruz 34 (56,7%)
Luverdense 34 (56,7%)
Treze-PB 33 (55%)
Sampaio Corrêa 33 (55%)
*Após conciliação realizada no Superior Tribunal de Justiça, o Rio Branco foi reintegrado a competição após ser excluído em 2012 após determinação judicial requerida pelo Treze. Com o acréscimo de uma equipe, excepcionalmente o Grupo A daquele ano contou com 11 equipes e, por isso, mais jogos. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *