Sport: Carlos Henrique avalia chegada em entre;

ADAURY VELOSO ;

SPORT

Saída difícil, chance de substituir André e peso do Sport: Carlos Henrique avalia chegada

Atacante desembarcou no Recife e comentou chance de atuar pelo Leão ;

Na medida em que André entrava em desacordo com o Sport na tentativa de se transferir para o Grêmio, o seu futuro substituto começava a cavar uma vaga no Rubro-negro bem longe da Ilha do Retiro. Centroavante de 1,82 metro, que gosta de ocupar os espaços dentro da área, o jogador iniciou a temporada bem. Pelo time paranaense, disputou 12 partidas e marcou seis gols. Ficou na vice-artilharia do Estadual, ao lado de mais quatro atletas, com cinco tentos.

O desempenho fez com que a diretoria do Sport o achasse peça importante na nova mentalidade de contratações do clube. Aliás, a troca André/Carlos Henrique é um símbolo desse momento. O Rubro-negro substitui salários altos e currículos de peso por atletas cujo perfil é mais de entrega e desejo de brilhar no cenário nacional. E é com essa meta que o atacante desembarcou nesta quinta-feira no Recife e inicia os treinos nesta sexta.
“Para mim, foi muito vantajoso ter começado bem o ano e ter saído do Londrina como artilheiro da equipe e vice-artilheiro do Campeonato Paranaense. Esse início de ano foi muito bom”, disse o atleta, em entrevista ao Superesportes. “É o melhor momento que vivo na minha carreira. Espero fazer um grande campeonato, procurando fazer o melhor a cada dia”, acrescentou Carlos Henrique, de 23 anos e que chega ao Sport com contrato de empréstimo até o fim da temporada.
Questionado diretamente sobre  a missão de substituir André, que, no ano passado, virou o maior artilheiro do Leão em única edição de Brasileiro com 15 gols e ajudou a livrar o time da queda, o atleta preferiu não citar diretamente o peso da responsabilidade. “Vou procurar trabalhar no dia a dia, procurar meu espaço na equipe, mas sem passar por cima de ninguém. Quero ajudar o Sport da melhor maneira possível porque sei que essa camisa tem muito peso”, afirmou o centroavante, que, até o momento, é a única peça de origem para o setor no elenco.

Negociação complicada

A chegada de Carlos Henrique na Ilha do Retiro foi complicada. O presidente do Londrina, Sérgio Malucelli, tentou o quanto pôde evitar a saída do jogador na tentativa de manter a base do time em busca do acesso à Série A do Brasileiro. Mas, no fim, a vontade do jogador prevaleceu.
“O presidente do Londrina tentou segurar ao máximo, mas, até um certo ponto, não conseguiu mais. Eu sempre quis vir, sempre estive a favor de vir para o Sport. Acho que isso pesou na decisão do presidente de ter liberado.”

Ficha técnica

Nome: Carlos Henrique Alves Pereira
Idade: 23 anos
Clubes: Grêmio (base), Internacional (base), Juventude, Veranópolis, Figueirense, Luverdense, Sinop, PSTC e Londrina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *