SPORT; Leandro Pereira vê possibilidade de atuar junto com André

ADAURY VELOSO;

Desde o retorno de André ao Sport, logo se estabeleceu uma concorrência pelo comando de ataque leonino, entre o camisa 90, ídolo e maior contratação da história do clube (R$ 5,23 milhões) e Leandro Pereira, que havia chegada um pouco antes ao clube. Titular desde então, o jogador marcou contra o Sete de Setembro-MS, os seus dois primeiros gols com a camisa rubro-negra, contra apenas um anotado por “rival”, no empate por 2 a 2 com o River-PI, pela Copa do Nordeste. No entanto, para Leandro Pereira, a sua relação com André não precisa ser apenas de concorrência. Para ele, há espaço também para uma parceria. Segundo o camisa nove, nada impede que ambos formem uma dupla e atuem juntos na equipe.   Na reapresentação do elenco nesta quinta-feira, enquanto André disputava um jogo-treino contra a Agap, no centro de treinamentos do clube, Leandro Pereira, assim como os demais titulares, realizou apenas um regenerativo na academia. E na entrevista coletiva revelou que o próprio técnico Daniel Paulista não descartou a possibilidade de testar a dupla junta no ataque do Sport, apesar das características semelhantes dos dois atletas.

“Acho que dá para atuarmos juntos sim. Eu não jogo apenas como centroavante. Em outros clubes como Portuguesa, Chapecoense e no próprio Palmeiras atuei como segundo atacante ou jogador aberto pelos lados. Então, com certeza, acho que há espaço para os dois. E se acontecer isso vai ser muito bom para o time e para nós, porque o André é um jogador de qualidade e que veio para nos ajudar”, destacou Leandro Pereira.

Ao mesmo tempo, caso a disputa por uma única vaga no time permaneça, o atual titular não teme perder a posição. “Não me preocupo com titularidade. Óbvio que quero sempre jogar, mas estamos aqui para colher o que plantamos nos trabalhos do dia a dia. Não tenho como plantar batata e colher mandioca. Eu venho trabalhando e o André não é uma preocupação minha. É um jogador que veio para ajudar e que tem uma historia no clube”, pontuou.

“Não estamos em uma briga. Cada uma está apenas buscando seu espaço e os gols contra o Sete me ajudam nisso. Espero que sejam os primeiros de muitos”, finalizou Leandro, que permanece no time na partida deste sábado, contra o River, em Teresina, pela 4ª rodada da Copa do Nordeste. Com André, no banco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *