Sport tira lições de eliminação na Copa do Brasil ;

ADAURY VELOSO ;

á quase mês, Leão foi desclassificado do torneio nacional em jogo único contra o Ferroviário-CE, na Ilha; nesta quarta, recebe o Santa Cruz no Estadual ;

Último grande fracasso do Sport, a precoce eliminação na Copa do Brasil deste ano serve agora como lição para os rubro-negros. Desclassificado do torneio nacional há pouco menos de um mês ao perder em casa do Ferroviário-CE, o Leão não quer repetir aquela história no Campeonato Pernambucano. Nesta quarta-feira, o Rubro-negro decide vaga à semifinal do Estadual contra Santa Cruz, na mesma Ilha do Retiro.

As similaridades do duelo com o Ferroviário-CE com o desta quarta, diante da Cobra Coral, não se limitam ao local do jogo. Assim como na Copa do Brasil, o confronto com o Tricolor será decidido em partida única. Depois da derrota por 4 a 3 para o time cearense, nos pênaltis, o meia Thomás faz o alerta para o clássico.
“Acho que partida única você tem que entrar mais concentrado ainda. Não pode dar margem nenhuma para erro. Tem que fazer uma partida perfeita, porque se entrar mais ou menos, tomar um gol, acontecer coisa extraordinária no jogo, você tem grande chance de não sair vitorioso”, destacou.
Se a eliminação na Copa do Brasil trouxe prejuízos financeiros, levou à dissolução da antiga diretoria e fez aumentar a pressão no clube, pelo menos serve hoje como aprendizado. O Sport caiu da competição após abrir 3 a 0 e sofrer o empate em dez minutos até ser desclassificado nas penalidades máximas.
“Aquele jogo serve de lição para todo mundo. Joguei os 90 minutos ali, nunca tinha visto aquilo, em dez minutos mudar tudo e tomar três gol. Fica de lição. Tem que estar ligado os 90 minutos e quando chegar lá na frente fazer o gol. Lá atrás, não pode dar mole com marcação, começando lá da frente também”, contou Thomás. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *