STJD julgará denuncia do Náutico contra a Ponte Preta ;

ADAURY VELOSO;

NÁUTICO

STJD julgará denuncia do Náutico contra a Ponte Preta na Copa do Brasil na sexta-feira

Caso tribunal dê ganho de causa ao Náutico, jogos entre Flamengo e Ponte Preta pelas oitavas de final serão anulados;

Nesta quinta-feira, Flamengo e Ponte Preta fazem no Maracanã o jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil (na ida o rubro-negro carioca venceu por 1 a 0, em Campinas). O que não quer dizer, no entanto, que o Náutico desistiu de ainda pleitear a sua vaga na competição. Após ter a sua denúncia contra a suposta escalação irregular do lateral Igor e atacante Júnior Santos duas vezes arquivadas por procuradores, o presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva Ronaldo Botelho Piacente, colocou o caso na pauta da sessão itinerante do órgão nessa sexta-feira, em Brasília.
A alegação do clube pernambucano é que os dois jogadores não poderiam ter entrado em campo nos jogos da quarta fase da competição, justamente contra o Náutico, por já terem sido inscritos na Copa do Brasil pelo Ituano. Ambos sentaram no banco de reservas na partida contra o Uberlândia, ainda pela primeira fase, mas não entraram em campo. Os alvirrubros, no entanto, acreditam que isso já caracteriza um descumprimento ao regulamento da competição, que impede que um atleta dispute a Copa do Brasil por dois clubes distintos.
O departamento jurídico do Náutico chegaram a solicitar que o segundo jogo entre Flamengo e Ponte Preta não fosse realizado. Pedido mais uma vez negado sob a alegação que já haviam sido vendidos mais de 50 mil ingressos. Com isso, o clube pernambucano deu entrada em um pedido de liminar com o fundamento de tratar-se de um “caso excepcional e de interesse do desporto”.
Porém, apesar do cenário dificilmente indicar para uma reversão, com o Náutico herdando a vaga (e a cota de R$ 2,4 milhões), o advogado do clube no Rio de Janeiro, Osvaldo Sestário procurou se manter otimista. “Tudo pode acontecer. Julgamento é julgamento. A gente sempre acredita na matéria que está defendendo. Se for dado ganho a causa do Náutico, as partidas (entre Flamengo e Ponte Preta) serão anuladas”, destacou.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *