Técnico do Sport não vê elenco no limite e prega reação;

ADAURY VELOSO ;

Milton Mendes exalta jogadores e fala em ‘curar a ferida rapidamente’;

Depois de engatar três vitórias seguidas e dar sobrevida ao Sport na luta contra a zona de rebaixamento, o técnico Milton Mendes se depara com o primeiro momento de queda de rendimento do time sob seu comando. Há três jogos sem marcar gols, a equipe vem de uma sequência com dois empates e uma derrota. Vive, portanto, um momento de queda de aproveitamento à beira do fim da competição com duelos a disputar diante de Chapecoense, São Paulo e Santos.

Para o treinador leonino, por outro lado, a confiança ainda existe. No discurso, Milton Mendes nega que o Sport tenha chegado ao limite sob seu comando e valoriza o grupo que tem em mãos. “Temos de onde tirar. Temos outros jogadores no banco e optamos sempre por alguns. Vamos lutar com todos. Todos são importantes. Os meus vão ser sempre os melhores”, disse.
Agora, Milton Mendes já mira o próximo confronto do Sport na competição. Dessa vez, um duelo direto contra a Chapecoense, às 20h (do Recife) desta quinta-feira, na Arena Condá. Com 38 pontos e na 16ª posição, o Rubro-negro está a apenas um de distância do Verdão do Oeste, 18º colocado.
“Não é assim tão fácil ganhar do Flamengo e conseguir os pontos que conseguimos. Os percalços acontecem. Temos que curar rapidamente a ferida. Quinta-feira temos outra ‘guerra’. É por aí que é nosso campeonato e que a gente tem que lutar”, declarou Milton Mendes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *