Treinador diz que Sport deve contratar lateral esquerdo;

ADAURY VELOSO ;

SPORT

Treinador diz que Sport deve contratar lateral esquerdo sem experiência em Série A

Claudinei Oliveira vê mercado difícil e fala em jogador para ser trabalhado;

A carência do Sport para lateral esquerda forçou o técnico Claudinei Oliveira a recorrer a uma improvisação para o jogo desta quarta-feira contra o Atlético-PR. Além de Sander, que está suspenso para o confronto, o clube conta apenas com Evandro – atleta que ainda não atuou na temporada e não passou confiança enquanto esteve em campo no ano passado. O clube, ciente dessa lacuna, vasculha no mercado uma opção para o setor desde que decidiu liberar Capa ainda durante do Campeonato Pernambucano. Com as dificuldades encontradas, o comandante rubro-negro já admite trazer um atleta mais jovem e sem experiência na Série A.

“A gente não pode errar. Temos duas opções. Uma é de trazer um jogador para ser o reserva imediato de Sander e a gente trabalhar para futuro. Outra é trazer alguém que já chega com peso para ser titular. Isso não quer dizer que vai tirar o Sander do time. Esse com peso maior é difícil. Para falar a verdade, estamos começando a olhar para o mercado com jogadores para fazer uma projeção, que estão tendo um rendimento bom e que não têm experiência de Série A ainda”, disse.
“O ideal seria experiência de Série A, mas esse é caro também e está jogando. Então, a gente está olhando para o outro lado do mercado. Espero que não erremos, mas também que, se errar, que não seja em um jogador de R$ 100 mil, R$ 150 mil. Se o Sport não pode errar, vamos apostar em um que esteja mais em conta”, acrescentou.
Claudinei Oliveira ainda reconhece que o planejamento do clube para o setor está atrasado. “O ideal era que hoje nós tivéssemos no elenco um lateral esquerdo do nível do Sander, com experiência. Não é só do nível técnico que estou me referindo no caso do Evandro, mas que tivesse uma rodagem maior, que te desse uma segurança para escalar”, declarou.
Sobre esse cenário de peças em falta, o treinador do Sport tamgém lamentou o fato de precisar recorrer à uma improvisação para o confronto desta quarta na Ilha do Retiro. “A gente como técnico não quer improvisar. O jogador é julgado. Por isso que entendo de ele não querer jogar porque ele vai ser avaliado pelo tempo que estiver em campo. Ninguém quer saber se ele está colaborando. Ele está indo para uma posição que não é a original para fazer o seu melhor.” 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *