Vice-presidente do Náutico descarta retorno de Ortigoza;

ADAURY VELOSO;

NÁUTICO

Vice-presidente do Náutico descarta retorno de Ortigoza, após paraguaio deixar o Paraná

Segundo Diógenes Braga, que mantém contato com o jogador, Ortigoza tem a intenção de voltar a atuar no Paraguai em 2019;

Com o Paraná Clube virtualmente rebaixado à Série B, vários jogadores já começam a deixar o clube. Nesta quinta-feira, foi a vez do atacante Ortigoza pedir sua rescisão de contrato. O que, de imediato, acendeu a esperança na torcida do Náutico para um retorno do artilheiro do time na temporada (13 gols) para 2019. Sonho que o vice-presidente alvirrubro, Diógenes Braga, tratou logo de descartar.

a possibilidade de uma possível volta do paraguaio, o dirigente, que mantém contato direto com o jogador, explicou que atuar no Brasil na próxima temporada não está nos planos de Ortigoza.
“Ele quando saiu daqui conversou conosco e disse que ele queria terminar o ano jogando, mas que queria voltar ao Paraguai no ano que vem. Essa temporada foi bem cansativa. Ele teve um problema de saúde na família que foi algo que afetou muito e por isso ele tem esse planejamento de voltar a jogar no Paraguai. Por isso hoje um retorno dele ao Náutico está fora de questão”, apontou Diógenes.
Ao mesmo tempo, porém, o dirigente não descartou a contratação de um outro jogador diferenciado para o próximo ano. Porém, para isso, seria preciso uma engenharia financeira nos mesmos moldes da que permetiu a contratação de Ortigoza, com parte dos salários do atleta sendo bancado por um grupo de colaboradores do Náutico. Além disso, esse jogador precisaria se encaixar no perfil de elenco que clube pretende montar para  2019.
“Isso vai depender de surgir uma possibilidade de se fazer isso. Além da avaliação técnica do time. O lado de marketing, por mais importante que seja, não pode estar acima do lado técnico. Se surgir um nome que tecnicamente se encaixe e que financeiramente seja possivel, ótimo. Mas não vamos buscar um nome pensando apenas na vertente do marketing”, finalizou Diógenes.
No Paraná Clube, Ortigoza disputou cinco partidas na Série A, três como titular, e acumulou quatro derrotas e um empate, sem marcar nenhum gol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *