Wallace Pernambucano é absolvido em julgamento no STJD;

ADAURY VELOSO ;

NÁUTICO

Wallace PE é absolvido em julgamento no STJD e está livre para jogo contra Bragantino

Advogados alvirrubros conseguiram convencer auditores que lance que originou a expulsão contra o Salgueiro foi acidental;

O técnico do Náutico, Márcio Goiano, terá uma preocupação a menos para a partida decisiva deste sábado contra o Bragantino, em Bragança Paulista (a primeira do mata mata que vai levar um dos clubes à Série B em 2019). Julgado nesta sexta-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o meia Wallace Pernambucano foi absolvido pela expulsão na partida contra o Salgueiro, pela 14ª rodada da primeira fase, e com isso está liberado para estar em campo.

O jogador foi denunciado no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que fala sobre agressão física durante a partida, e corria o risco de pegar de quatro a doze partidas de suspensão.
Na súmula da partida, o árbitro do quadro do Rio Grande do Sul, Roger Goulart relatou que Wallace recebeu o cartão vermelho por “golpear com o braço o rosto do seu adversário (o lateral esquerdo Marlon), com uso de força excessiva na disputa da bola”. O árbitro escreveu ainda que “o jogador atingido necessitou de atendimento médico devido ao sangramento na boca, e em seguida retornou ao jogo”.
No entanto, na defesa, os advogados alvirrubros conseguiram mostrar que o lance foi acidental e convenceram os auditores do STJD que absolveram o jogador por unanimidade.
Assim, Wallace fica como opção no banco de reservas para o técnico Márcio Goiano, que já definiu o Timbu com: Bruno; Bryan, Camutanga, Sueliton e Assis; Josa, Jiménez e Luiz Henrique; Dudu, Robinho e Ortigoza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *